RECICLAGEM PREVENTIVA

Para não terem sua atividade profissional prejudicada, motoristas gaúchos que exercem atividade remunerada com o veículo, podem passar por reciclagem para evitar ter a carteira suspensa.

 

Este curso é o mesmo já existente para condutores infratores que têm a CNH suspensa. A atividade busca, além de atualizar os conhecimentos do motorista, provocar uma reflexão para mudar comportamentos inadequados. Entre os temas abordados estão legislação de trânsito, direção defensiva, noções de primeiros socorros no trânsito e relacionamento interpessoal.

 

IMPORTANTE FRISAR QUE...

O curso só é possibilitado no caso de uma possível suspensão por pontos, portanto não se aplica às infrações mais graves, como embriaguez ao volante, excesso de velocidade acima de 50%, prática de racha e outras que já preveem processo de suspensão do direito de dirigir. A reciclagem preventiva também só pode ser realizada uma vez a cada 12 meses.

 

AFINAL, QUEM PODE FAZER?

Motoristas que exercem atividade remunerada com o veículo, de categorias “C” (veículos de carga), “D” (veículos de transporte de passageiros) e “E” (veículo conjugado), que completarem entre 14 e 19 pontos no prontuário da CNH.

 

Com a conclusão do curso de reciclagem preventiva, a pontuação por infrações de trânsito é retirada do prontuário do condutor, evitando o processo de suspensão do direito de dirigir. Apenas se somar outros 20 pontos nos doze meses seguintes, ele terá a CNH suspensa.

 

SOBRE AS AULAS

São 30 horas de aula teórica que podem ser feitas de forma presencial ou por EAD (ensino à distância).

Para a modalidade presencial, é necessário abrir uma turma, a partir do fechamento de 5 alunos (número mínimo para realização). Para a modalidade EAD, como as aulas são virtuais, o condutor pode começar hoje mesmo, sem que seja necessário aguardar. Basta vir no CFC fazer a inscrição.

 

É importante ressaltar que o prazo de realização do curso é de 40 dias, a partir do dia em que o condutor assinar o contrato. Após esse prazo o curso se encerra automaticamente e se não concluído, o condutor precisará iniciar novamente.

 

Independente da modalidade escolhida, após o término do curso, a prova é agendada pelo CFC Real junto ao Detran RS e pode ser realizada em Porto Alegre ou Santa Maria, cidades mais próximas que tem prova teórica eletrônica disponível. (Outras cidades a consultar).

 

VALOR

Independente da modalidade, o valor é o mesmo.

Investimento por pessoa: R$ 294,30 + R$ R$ 38,57 (prova teórica).

___

 

Para iniciar hoje mesmo, entre em contato:

(51) 3715-1717  

(51) 9.9595-8016 (whats)

Rua Venâncio Aires, 722 – Centro

Centro de Formação de Condutores Real - 2020

Desenvolvido por Artistic Web e Elefante CW